Bolsonaro é mais aplaudido que estrela de cinema por onde passa e realiza sonho de adolescente em MG

27/08/2020

As multidões que se aglomeram e acompanham Bolsonaro por onde ele passa, não tem igual na história do Brasil. O grito "mito" usado pelo povo durante sua campanha, veio para ficar e o número de admiradores a cada dia cresce mais. Nesta semana, passando por Ipatinga, MG, uma cena emocionante: Uma adolescente com um cartaz: "Realiza meu sonho. Uma foto com você".

A multidão era imensa e tornava difícil a caminhada do presidente por entre o povo. Mesmo assim, Bolsonaro viu o cartaz da jovem, e com dificuldades dirigiu-se para ela e finalmente o sonho foi realizado.

Uma cena muito emocionante, bela. Representa um herói realizando o sonho de um povo. O sonho dessa adolescente é o sonho de todo brasileiro de bem, ter uma foto desse homem, simples, mas inteligentíssimo, que soube há décadas, captar o sonho dos brasileiros, de um Brasil, justo, de progresso, de união.

Nestes quase dois anos do mandato de Bolsonaro, os brasileiros constataram claramente duas coisas: que ele é o brasileiro mais querido pelo povo de todos os tempos na história do Brasil e um dos líderes mundiais de maior sucesso. E por outro, também ficou claro, que é o homem mais odiado pelas pessoas más, desonestas, corruptas e sem moral, que desejam ver um Brasil nas trevas, e uma minoria saqueando o país como vinha acontecendo.

Inimigos é o que não falta. De todos os lados e por todo o país. Mas apresentar todas as obras que o governo conseguiu em pouco menos de dois anos, e ainda em plena época de pandemia, já mostra a grandeza de Bolsonaro.

Segundo avaliadores internacionais, o Brasil é o país que mais rapidamente está saindo da crise da pandemia e que mantem crescimento mesmo nesta época difícil. Em pouco tempo o país estará novamente nos eixos, e daí para a frente é só crescimento.

Se por um lado, estas multidões representam o amor que o povo tem por Bolsonaro, por outro, também representam a bronca que tem por tudo que é contra o governo e pela pessoa do presidente.

Se político fosse esperto, jamais ficaria contra Bolsonaro pois é a receita certa para não ter mais votos do povo. Empresas e meios de comunicação que aderiram a política de lutar contra o governo estão sendo abandonadas pelo povo. O grande termômetro dessa realidade é a Rede Globo. De poderosa e líder de audiência num passado recente, é agora uma empresa agonizante sem público e perdendo anunciantes.

A mensagem que se tira dessa nova onda no Brasil, que ainda não tem um nome científico, mas que por enquanto pode ser chamada de bolsonarismo, é uma só; quem estiver do lado do presidente está com tudo. Quem estiver contra não tem mais vez neste Brasil novo que nasce, doa a quem doer. (Leonardo Bezerra) Compartilhe.