Este site permite que você acompanhe a disseminação global do coronavírus em tempo real

02/05/2020

Um mapa produzido por pesquisadores da Universidade Johns Hopkins (EUA) mostra a disseminação global do coronavírus 2019-nCoV em tempo real. O gráfico utiliza dados dos Centros de Controle e Prevenção de Doenças dos EUA, da Organização Mundial de Saúde (OMS) e das autoridades de saúde da China, bem como relatórios de outras fontes com mapeamento de informações geográficas.

As informações são atualizadas em um site que rastreia o número total de casos (no momento da escrita deste artigo, 4.474), mortes (107) e recuperações (63) confirmados. No mapa, cada ponto vermelho representa um surto do vírus variando em tamanho, o que corresponde a amplitude das infecções.

Acesse o link aqui

China versus resto do mundo

Um dos gráficos do site mostra quão rapidamente o vírus está se espalhando pela China comparado ao resto do mundo:

Vale notar que a maioria das mortes - 100 - ocorreram na província de Hubei, onde a epidemia começou.

Apesar disso, o 2019-nCoV já alcançou 18 outros territórios e países: Hong Kong, Tailândia, Macau, Taiwan, Singapura, Japão, Coreia do Sul, Malásia, Austrália, França, EUA, Vietnã, Nepal, Canadá, Camboja, Sri Lanka, Costa do Marfim e Alemanha.

Preocupação global

Por enquanto, é difícil prever quantas pessoas o vírus vai atingir. Apesar disso, um estudo estimou que 190 mil possam ser afetados até fevereiro, enquanto uma simulação fictícia sobre um coronavírus desconhecido levou a 65 milhões de mortes em 18 meses.

Enquanto as autoridades de saúde tentam se manter otimistas, o epicentro do surto - a cidade de Wuhan, na China - foi colocada em quarentena e pelo menos 12 outras localidades estão com restrições de circulação, afetando cerca de 33 milhões de pessoas. [ScienceAlert] (Hypescience)