PT, um Partido agonizante chegando ao fim

09/12/2019

(Foto reprodução)
(Foto reprodução)

O que começou errado jamais poderia dar certo. Nascido numa época de tremendas brigas da indústria com seus empregados, o PT praticamente nasceu num berço de revolta.

Os metalúrgicos vendo o grande crescimento da indústria automobilista, fruto do chamado "milagre brasileiro", conquista dos governos militares, logo viram nas fábricas não apenas fonte de trabalho, mas de benefícios extras inumeráveis. E assim começaram através de seu sindicato, uma corrida para arrancar o máximo das fábricas.

Dessa briga entre sindicalistas e fábricas, surgiu o PT, no meio de revoltas e brigas.

Por um tempo o PT parecia a solução e muitas pessoas se filiaram e apoiaram o partido de Lula. Os anos foram passando e o partido cresceu, só que não tinha uma base do bem, da honestidade, assim jamais poderia dar certo.

Com o tempo veio mostrando sua verdadeira face; que resumindo tratou-se da compra das pessoas humildes com bolsa família, criando pessoas acomodadas que então já nem se preocupavam mais em procurar emprego, gerando assim pobreza oficializada, e por outro, comprando os ricos com milhões, e disso ninguém escapava. Políticos, empresários, artistas e gente de toda espécie tinha um preço que saia dos cofres públicos.

A corrupção se alastrou. O congresso deixou de ser uma casa de aprovação de Leis e passou a ser um grande mercado de influências onde tudo era negociado.

Não bastasse isso, o PT influenciou para o mau toda uma geração. A desonestidade com o a posse de terras alheias, com invasões no campo e na cidade passou a ser oficializada. Professores passaram a ensinar as mais absurdas aberrações e matérias inúteis foram criadas. Não ficou nenhum setor da sociedade onde a mão podre do PT não alcançasse. Até o clero católico e evangélicos não escaparam. Enfim, foi como um câncer que se alastrou durante décadas devastando o Brasil.

Muitas pessoas, indignadas, nada podiam fazer nem falar. Até que surgiu um raio de luz quando Bolsonaro começa sua campanha eleitoral. Por onde passava, milhares de pessoas se identificavam, e viam que poderia haver alguma esperança para o Brasil.

Claro que o PT vendo-se ameaçado por essa nova turma do bem, que se formava por toda parte, fez de tudo para impedir a eleição de Bolsonaro. A mídia, totalmente comprada, fez sua parte. O que essa gente não esperava é que um povo dormido tinha acordado e através da internet e celular simplesmente derrubou o gigante vermelho.

Atualmente, com os heróis do bem dominando e mudando tudo, arrancando essa árvore nefasta pela raiz, com a Lava a Jato, arrasando os maiores corruptos, o PT se encontra em plena decadência.

A grande mostra aconteceu com a soltura de Lula. Suas andanças pelo Brasil, com sua recepção sendo feita a base de pedras e ovos pelo povo, mostram que o PT "já era". Não tem mais a menor chance para nada. Está afundando e agonizando a cada dia que passa.

De seus políticos só surgem loucuras e descrédito. Ninguém mais acredita em nada do que dizem ou fazem. Estão apenas tentando a todo custo atrapalhar o crescimento do Brasil, uns votando contra tudo que o Governo faz, outros prorrogando votações e impondo pautas que lhes sejam favoráveis.

O povo está atento e com uma freqüência inusitada saem às ruas em multidões por todo o país. A derrocada total do PT e o afundamento e mesmo cadeia para grande parte dessa gente é questão de tempo.

Esse partido provocou tantos males ao país que praticamente o Governo Bolsonaro não precisou tomar nenhuma ação. Simplesmente mostrou trabalho. Em poucos meses fez e está fazendo o que eles não fizeram em décadas, claro, nem tinham tempo para fazer nada, pois seu tempo era dedicado a corrupção e ao enriquecimento pessoal.

Novas obras paradas estão sendo terminadas ou refeitas em tempo recorde. Bolsonaro e seus ótimos ministros, mesmo impedidos por todo lado pelos políticos comunistas que ainda restaram, estão dando um banho de governo, administração, honestidade e crescimento.

Assim, ao Partido dos Trabalhadores, que por último deveria ter trocado para um nome que melhor lhe convêm que é "Partido dos Vagabundos", pois só gente que não quer trabalhar é que apóia esse partido, afundar de vez para nunca mais voltar é o único que lhe resta. (Leonardo Bezerra)